Buscar

Como orquestrar rede de P&D?


Um número crescente de empresas vem utilizando a colaboração com parceiros para realizar P&D e inovar mais rapidamente. Em muitos casos, uma empresa líder (denominada hub firm) é responsável por orquestrar um conjunto de outras empresas para inovar em rede. Empresas como Natura, Embraer e SAP são especialistas em liderar redes e gerar inovações colaborativas.


O artigo seminal de Dhanarj e Parkhe (2006) sugere que a hub firm deve desempenhar três processos; mobilizar o conhecimento dos participantes da rede, garantir que os resultados da inovação sejam divididos entre os parceiros e garantir que a rede se mantenha estável ao longo da cooperação.


Neste artigo analisamos uma rede de 26 empresas que se reuniam na França para criar um novo microchip, entre 1999 e 2014. Os resultados mostram que além dos três processos acima, a hub firm precisou reconfigurar a rede em diversos momentos, desconectando e atraindo novas empresas para a colaboração. Esse é um quarto processo que a hub firm precisa executar.


No artigo descrevemos ainda dezenove práticas de gestão que a empresa líder utilizou para realizar esses processos e que podem servir para inspiração para outras empresas que desejam orquestrar redes de pesquisa e desenvolvimento. Quer saber mais? Clique aqui.


Kadigia Faccin, Unisinos

Douglas Wegner, Unisinos

Alsones Balestrin, Unisinos





0 comentário

Posts recentes

Ver tudo