Buscar

Pesquisa nacional de Redes e Central de Negócios (2019) - *Resultados Gerais*

Os cincos principais setores

Foram identificadas e confirmadas 442 redes e centrais de negócios na pesquisa. Cinco setores concentram o maior número e redes: supermercados, materiais de construção, farmácias, autopeças e móveis. Em conjunto, esses cinco setores representam quase 77% de todas as rede identificadas. Foram encontradas redes em mais de 40 setores de negócios na indústria, varejo e serviços.



Localização e perfil das redes

O maior número de redes foi encontrado no Rio Grande do Sul (103). Há também um grande número de redes em dois estados importantes da Região Sudeste - São Paulo (62) e Minas Gerais (53). Dois estados da região Nordeste - Ceará (53) e Bahia (24) - igualmente concentram um expressivo número de redes. Quase metade dessas redes (48,8%) tem entre 11 e 20 anos de existência, coincidindo com o período em que houve o maior movimento de formação de redes no Brasil, no início dos anos 2000. A grande maioria das redes é de pequeno porte, com reduzido número de associados e pequena estrutura de gestão.



Fonte: Pesquisa Nacional de Redes Centrais de Negócios (2019) Realização: Febramat, Projeto "Vamos! Cooperação Brasil-Alemanha"e Unisinos


0 comentário